banner hungaro1

Ontem foi realizada a segunda corrida treino da Pré Temporada da GT-3 World Series 2019. A corrida ocorreu em Hungaroring, o tradicional e travado circuito Húngaro. Durante o treino livre a pista estava em excelentes condições, porém na madrugada da sexta para o sábado choveu muito. Com isso os pilotos pegaram a pista seca, porém sem borracha alguma.

Assim, com a baixa aderência inicial, os tempos iam caindo a cada minuto que se passava. Conforme a borracha ia se acumulando a disputa se intensificava. Em razão disso, Gilberto Silva pegou a pole position já com o cronometro zerado com o tempo de 01:46.038, jogando Titi Colectinha para o segundo lugar com 1:46.068. Rodrigo Puraca ficou em terceiro com 1:46.134, Darcy Callai Jr em quarto com 1:46.560 e Fabio Ferreira em quinto com 1:46.596. Na sequência vieram Luis Carlos Matias, Ney Dilay, Leandro Lage, Walter Rubens, Erico Stefanni e Marcelo Almeida.

Quando virou para a corrida, a chuva voltou a dar suas graças. A pista ainda estava seca quando os carros alinharam no grid para a largada, porém caia uma garoa. Todos os pilotos ficaram na dúvida. Valeria a pena ficar com pneus secos ou a chuva iria molhar rapidamente a pista? A grande maioria arriscou largar com o pneu seco, enquanto Rodrigo Puraca pôs o pneus de chuva. 

A chuva não parou, mas em boa parte da corrida não passou de uma garoa leve, fazendo que com a pista não molhasse, principalmente no traçado. Isso prejudicou demais o desempenho do R. Puraca que teve seus pneus de chuva superaquecidos.

Lá na frente, ainda na primeira volta o líder foi a primeira vítima da pista úmida, rodando na saída da curva 4. T. Colectinha assumiu a liderança seguido por R. Puraca, D. Callai e F. Pereira.

R. Puraca que comeva a sofrer com os pneus de chuva, numa pista que não molhava o suficiente para resrfiá-los, acabou sendo uma presa fácil para D. Callai e F. Pereira. Depois disso, os três ponteiros seguiram próximos. Faltando 2 minutos para a abertura da janlea de pit stop,  Titi errou na saída da curva 5. D. Callai conseguiu assumir a ponta com F. Pereira assumindo o segundo lugar.

Na liderança, mas após o toque T. Colectinha durante sua rodada, D. Callai passou a sofrer com a frente danificada, assim F. Pereira começou a pressionar pela tomada da liderança.

Enquanto isso no pelotão intermediário Gilberto Silva buscava a recuperação, subindo posições ao longo da prova. Walter Rubens sofreu com o acerto do carro e problemas eletrônicos, o mesmo com L. Matias que teve curto com o limpador que acabou desligando seu carro. N. Dilay teve problemas como FFB do seu volante. 

La na frente, quanto abriu a janela de pit stop D. Callai foi para boxes e perdeu tempo tendo que consertar o carro que estava danificado. Com isso. F. Pereira que fez uma excelente volta fez seu pit e voltou quase 14s segundo a frente de D. Callai, que errou na pressão dos pneus novos, o que acabou gerando um erro, uma batida e danificando sua suspensão.

Com isso F. Pereira dominou tranquilo a segunda parte da corrida, mesmo com a garoa piorando mais as condições do asfalto. Enquanto isso, T. Colectinha que vinha na segunda posição levou um drive throug, e caiu para a terceira posição.

Assim, F. Pereira levou o caneco para casa, seguido por Rodrigo Puraca e Titi Colectinha, fechando o pódio.

podium gt3ws hung

Veja abaixo a transmissão da corrida feita ao vivo no dia de ontem:


Próxima Corrida

Simulador
ACC logo black
3h de Monza
Itália it 

Previsão

icone chuva

30%

30/06/2019 - 19h00

GT-3WS

J6 Endurance Cup
Endurance

:: Calendário de Provas
:: Classificação
:: Transmissão AO VIVO

 

Siga-nos nas redes sociais

Assine nossa newsletter